EXPEDIENTE: Plano de Contas


O Plano de Contas é requisito inicial do ERP-TE_Essencial e condição de unificação da linguagem entre os setores da Empresa. Por ser um sistema integrado, as operações realizadas irão gerar lançamentos e documentação com o mínimo de digitação e tempo. Após adiantados os cadastros as digitações de textos passarão a ser quase desnecessárias para o preenchimento de todos os formulários.

A Empresa poderá usar seu próprio Plano de Contas, porém foi disponibilizado pelo ERP-TE_Essencial um plano condensado, com base nos insumos do SINAPI e códigos com a menor quantidade possível de caracteres (numéricos).

O Plano de Contas permite ainda:

  • Facilitar o controle por meio dos filtros.
  • Homogeneizar os lançamentos.

O Plano proposto é Técnico e não Contábil.

Aproveitamento dos Dados (digitação)

Um insumo deverá ser digitado, se necessário, uma única vez. Preferencialmente no Plano de Contas que é o formulário inicial da cadeia de suprimentos.

Após digitado (se não estiver no Plano de Contas) será importado aos formulários subsequentes.

Relação dos formulários interdependentes (que usarão a digitação do anterior):

  • Plano de Contas (obra);
  • Requisição de Materiais;
  • Solicitação de Cotação;
  • Quadro Comparativo;
  • Pedido de Compras;
  • Contas a Pagar / Caixinha de Obra / RH;
  • Setores de Planejamento / Orçamento / Acompanhamento e Controle (extra software);
  • Almoxarifado / Ferramentaria (obra).

O processo inicia e termina na Obra, solicitando e recebendo os insumos.

Este artigo foi útil para você?

Deixe uma resposta